Quadriciclos, UTVs e carros têm mais uma etapa técnica no Rally Cerapió

piocera

Pedro II (PI) – Quem encarou o percurso desta quarta-feira (29/1) para os quadriciclos, UTVs e carros no Rally Cerapió 2020 teve mais um dia bastante intenso e técnico. Os competidores deixaram Sobral (CE) rumo a Pedro II (PI) em um trajeto de 282 quilômetros, que passou em áreas de carnaubais, árvore nativa da região. A etapa também foi marcada pela subida da serra da Ibiapaba, onde cruza a area de litígio entre o estados do Ceará e Piauí.

Depois de um dia cheio de problemas, Wescley Dutra (#304) conseguiu vencer entre os quadriciclos. “Fiz uma prova boa e estou de volta à briga pelo título. Tenho dez anos de competições e a terça-feira foi o pior que tive nesse tempo todo. Quebrou road book, celular parou e suspensão quebrou. Terminei o percurso, porque não sou de desistir”, conta o cearense atual tricampeão do Cerapió/Piocerá, vice-líder da categoria. A ponta da classificação está com Helio Pessoa (#306), que tem apenas um ponto a mais que Dutra.

Entre os UTVs Graduado, Alamo Souza e Paulo Afonso Junior (#613) levaram a melhor em uma competição marcada pelo alto nível e muita disputa. É o quinto ano que participo na categoria UTVs e está sendo a melhor prova, com médias muito justas e altas. O dia foi excelente, com menos chuva e sem lama, andamos melhor”, diz o piloto Souza. Nos UTVs Novato, destaque para Jaime Neto e William Barbalho (#608), de São Luís (MA).

Nos carros, o Rally Cerapió 2020 continua quente. Renato Martins e Gustavo Schmidt (#731) venceram o segundo dia e assumiram a liderança da Master. “Tivemos problemas no odômetro bem na hora do pior balaio, mas no fim deu tudo certo. Foi uma prova bem longa, técnica e complicada”, avalia o mineiro Martins. Pela Graduado, Felipe Ferro e Jonatas Carvalho (#709), de Teresina (PI), vencem novamente e seguem na primeira posição do ranking da categoria. “Tinham muitos balaios e precisamos de muita paciência nas medidas para não nos perdermos”, ressalta o navegador Carvalho.

Na Turismo e Júnior, os vencedores do dia foram duas duplas de Fortaleza (CE), respectivamente, Romulo Fortuna / Italo Rodrigues (#727), e  Eugenio Paccelli / Eugenio Paccelli Filho (#720).

Nesta quinta-feira (30/1), a 33ª edição do Rally Cerapió 2020 deixa Pedro II (PI) e segue para a capital Teresina. Serão 294 quilômetros a serem percorridos de um total de 1.000 durante quatro dias de competição, Além de carros, quadriciclos e UTVs, a prova conta com a disputa de bikes e motos.

O Rally Cerapió 2020 tem patrocínio do Governo do Piauí – Setur e do Governo do Ceará – Setur, Consórcio Honda, Prefeitura de Teresina e Minstério do Turismo. O apoio é da Prefeitura de Fortaleza – Setfor, Reron e Audax, com parceria do Teresina Shopping, Marko Informática, Cetseg. Colaboração das Prefeituras de Pentecoste (CE), Itapajé (CE), Sobral (CE), Groaíras (CE), Carnaubal (CE), Domingos Mourão (PI), Pedro II (PI), Campo Maior (PI) e União (PI). A organização é da Radical Produções.