O Valencia, clube com maior número de casos de coronavírus na Europa, está com todos os jogadores e membros da comissão técnica recuperados. O jornal Marca divulgou nesta quarta que o clube fez novamente os testes nos infectados, e todos os resultados deram negativo.

Há duas semanas, o clube chegou a divulgar que 35% do plantel do futebol, envolvendo atletas e comissão técnica, estavam com o vírus. Eram 10 jogadores e 15 membros da parte técnica. Entre os atletas, Mangala, Garay e Gayà estavam com a Covid-19. A identidade dos outros jogadores foi preservada por decisão dos infectados em acordo com o clube.

O time espanhol participou da partida que pode ter ajudado na proliferação do vírus na Itália. No dia 19 de fevereiro, o Valencia foi a Milão enfrentar a Atalanta pela partida de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões. A partida terminou 4 a 1 para os italianos.

fonte: Por GloboEsporte