O Orkut foi lançado há exatos 15 anos, no dia 24 de janeiro de 2004. O site de conexões se tornou febre entre os brasileiros da década de 2000 e fez os usuários de Internet entrarem de cabeça na onda das redes sociais. No entanto, devido à evolução e dinamização do cenário de social media, a plataforma do Google foi descontinuada em setembro de 2014. Até hoje, quem vivou essa época sente saudades de fazer parte de comunidades, adicionar amigos com scrap e disputar o topo dos depoimentos, entre outras atividades.

Dificuldade para recuperar as fotos do Orkut
Em junho de 2014, quando o Google anunciou que o Orkut seria descontinuado, foi estabelecido um prazo de dois anos para que os usuários fizessem o backup das fotos antigas por meio da ferramenta Google Takeout. Em 2016, com o fim do período determinado, já não era mais possível recuperar os dados da rede social.

Rede social exclusiva
O Orkut inicialmente aceitava apenas pessoas convidadas por outros usuários. Então, quem ganhava o “passaporte” podia chamar até dez amigos, e assim por diante. Com o esquema, o site ficou conhecido como “exclusivo”, o que despertou a curiosidade dos internautas. À época, havia ingressos para o Orkut sendo leiloados em sites internacionais, como o eBay, e nacionais, como o Mercado Livre.

Rixa entre brasileiros e americanos e mudança de sede
Antes de se popularizar no Brasil, o Orkut era repleto de usuários norte-americanos. Em junho de 2004, porém, cinco meses após o lançamento da rede social, o Brasil representava 30,65% dos integrantes; os Estados Unidos, 30,12%. A rápida e intensa adesão dos brasileiros à plataforma intrigou e irritou os norte-americanos.

Havia, inclusive, comunidades para reclamar dos recém-chegados, como a “WTF, A Crazy Brazilian Invasion? (“Que diabos, uma louca invasão brasileira?”, em tradução livre), que abordava questões como o uso do português nas comunidades. Pouco a pouco, os estrangeiros foram abandonando a rede social. Até agosto de 2008, a sede do Orkut ficava na Califórnia (EUA), mas a presença brasileira se tornou tão forte que o Google anunciou que o site seria operado no país pelo Google Brasil, em Belo Horizonte, Minas Gerais. A mudança se deu também devido ao crescimento de assuntos legais.