O Google está preparando uma nova ferramenta de captura de tela integrada ao navegador Chrome que, além da cópia instantânea na área de transferência, permite a captura de determinadas áreas do que é mostrado no link e sua edição via Windows Ink. Ainda em versão de testes no canal Canary, a funcionalidade é claramente inspirada na função “Captura da Web” do Microsoft Edge, porém com algumas vantagens.

O novo editor permite, por exemplo, abrir a captura de tela em uma janela separada com vários controles de edição, onde é possível adicionar e redimensionar formas, como círculos, quadrados, setas e linhas. É possível também utilizar ferramentas para ajuste de espessura e pincéis, além de sorrisos, texto e opções para personalizar cores e estilo.

Como utilizar o novo editor de captura de tela do Chrome?

Fonte: Google/captura de tela por Neowin/Reprodução.Fonte: Google/captura de tela por Neowin/Reprodução.Fonte:  Google/captura de tela 

Como já foi dito, o editor ainda está em fase de testes e não está ainda 100% funcional, podendo ocorrer travamentos. No teste feito pelo site Neowin, a barra de ferramentas sumiu durante o uso e as capturas de tela feitas pelo Chrome foram excluídas após o recarregamento da página.

Para aqueles que desejarem habilitar o recurso, é possível fazer isso, seguindo os passos:

  • Baixe o Chrome Canary, disponível no site oficial;
  • Vá para chrome://flags;
  • Ative as flags “Desktop Screenshots” e “Desktop Screenshots Edit Mode”;
  • Reinicie o navegador;
  • Abra qualquer página da web e clique em “Compartilhar na Omnibar”;
  • Selecione a opção Captura de Tela (Screenshot);
  • Após fazer a captura, basta clicar em Editar. O Chrome irá abrir uma nova guia com o editor.