Flamengo vira na Argentina e inicia bem na Libertadores

Flamengo vira na Argentina e inicia bem na Libertadores

Apesar do Flamengo iniciar o duelo marcando presença no campo adversário, foi o Vélez quem saiu na frente, logo no primeiro contra-ataque que teve. Aos 20 minutos, Lucas Janson abriu para o também atacante Juan Lucero pela esquerda. Ele escapou do zagueiro Gustavo Henrique e devolveu para Janson, na marca do pênalti, abrir o placar. O empate veio aos 42 minutos. Na sobra de um escanteio, o volante Gerson encontrou William Arão livre na área. O zagueiro finalizou e deixou tudo igual.

O Vélez voltou melhor do intervalo e chegou ao segundo gol aos oito minutos. O volante Pablo Galdámes bateu escanteio na área, Gianetti desviou de cabeça e Janson (na pequena área, livre e em posição legal) concluiu para o gol. A resposta veio aos 14, quando Gabriel foi derrubado na área pelo goleiro Lucas Hoyos. O próprio atacante cobrou o pênalti e empatou. Quatro minutos depois, quase veio a virada em chute cruzado do meia Giorgian de Arrascaeta, perto da pequena área, à direita do gol.

O Rubro-Negro insistiu. Aos 30, Arrascaeta lançou Gabriel, que parou em grande defesa de Hoyos, que fechou o ângulo do atacante. Aos 34, veio enfim a virada: Arrascaeta acertou um belíssimo chute com a canhota, de fora da área, no ângulo de Hoyos. A missão dos anfitriões, que já estava difícil, ficou quase inviável aos 40, após o volante Federico Mancuello, ex-Flamengo e que tinha entrado em campo um minuto antes, ser expulso por falta dura em Gabriel.

Antes de voltar a pensar na Libertadores, o Flamengo tem compromisso pelo Campeonato Carioca. No sábado (24), o atual bicampeão brasileiro enfrenta o Volta Redonda no Maracanã, às 19h, valendo a ponta da primeira fase e a Taça Guanabara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *