Google Chrome é um dos mais populares navegadores disponível para Windows, Mac (Mac OS), Linux (Ubuntu), Android e iOS, mas não possui versão para Windows Phone. Como seu nome deixa claro, o browser é desenvolvido pelo Google, é grátis e tem versão em Português. A primeira versão foi liberada no dia 2 de setembro de 2008 e recebe atualizações constantemente. O navegador conseguiu se diferenciar de seus concorrentes devido ao uso de plug-ins. Por ser um navegador de intenert, não é possível acessá-lo offiline. 

Diferentes versões

Por ter seu código fonte aberto, qualquer desenvolvedor pode criar versões do Google Chrome. A mais popular delas é a Portable, ou “portátil” em português. Essa versão não exige instalar na máquina e pode ser executada diretamente de um pendrive, por exemplo. Desta forma, se você não gosta de usar outros navegadores, como Internet Explorer, Firefox, Opera e Microsoft Edge, você pode usar o Chrome em absolutamente qualquer máquina com a versão portable, sem precisar baixar. Além de ser estritamente igual à versão para desktops, ela chega a ser mais rápida e abre os plugins e as extenções instaladas com maior agilidade.

Além da versão portable, o browser possui versões de 32 e 64 bits, sendo mais recomendado o uso da segunda. Se o seu sistema operacional é 64 bits, não deixe de fazer o download da versão do Chrome em 64 bits: segundo o Google, ela traz melhor desempenho, estabilidade e segurança. Por exemplo, a execução do codec VP6 está 15% mais rápida. Isso permite rodar vídeos em Full HD com mais fluidez. Como se não bastasse, a renderização das páginas está duas vezes mais rápida que na versão de 32 bits. A versão de 64 bits também é melhor no quesito segurança, que está sendo aprimorado pela companhia a cada dia.

Multiplataforma

Além de contar com versões em 32 e 64 bits, o Google Chrome é compatível com quase todos os sistemas operacionais usados atualmente, seja ele para desktops ou dispositivos móveis. Podemos encontrar versões para Windows, Linux e Mac OS X, além de versões para Android e iOS. Em dispositivos Android, você pode baixar o apk direto do Google.

Se você é um aventureiro. gosta de estar à frente com as novidades, e já procura sempre atualizar o navegador, pode testar também as versões beta. A Google mantém vários canais de desenvolvimento. A mais utilizada delas é a Canary, com versões que são nem tão cruas e nem tão estáveis. Desta forma, é possível usar o browser com o mínimo de estabilidade, ao mesmo tempo em que se testa as mais recentes novidades implementadas pelos desenvolvedores. Naturalmente, por se tratar de uma versão ainda não finalizada, o aparecimento de bugs é normal.

Segurança melhorada

Todas as versões do navegador do Google, seja ela para desktop ou dispositivos móveis, já têm suporte ao português. Assim, usuários brasileiros podem usá-lo sem se preocupar em não entender alguma função do programa. Seguindo os passos do concorrente Firefox, o Chrome bloqueia também plugins que utilizam a tecnologia NPAPI (Netscape Plugin API). Entre as extensões, as mais populares são o Silverlight e Java. É possível também desativar o Java manualmente indo nas configurações do navegador.

A grande popularidade, almejada por qualquer empresa, cobra o seu preço. Inúmeros malwares e vírus começaram a ser desenvolvidos especificamente para o browser. Assim, surgiram muitos problemas incômodos, como a troca não autorizada do buscador padrão, troca da página inicial, o surgimento de propagandas invasivas em todas as páginas acessadas e e desempenho lento. Tendo isso em vista, a Google desenvolveu também a Ferramenta de Remoção de Vírus do Google Chrome, uma ferramentaoficial que visa facilitar a remoção de qualquer tipo de malware que esteja prejudicando o desempenho.

Chrome Web Store

Com o intuito de reunir em um só lugar todos os plugins e add-ons criados para o Chrome, a Google criou a Chrome Web Store. Trata-se de uma loja virtual onde é possível pesquisar e fazer o download dos mais variados e diferentes plugins compatíveis. A loja virtual se assemelha às lojas de apps Google Play e App Store, usadas para instalar aplicativos em smartphones e tablets. Porém, todas as ferramentas encontradas por lá são compatíveis apenas com o browser da Google.

BAIXAR: https://www.google.com/intl/pt-BR/chrome/