O Google está testando um novo recurso do Chrome para diminuir ainda mais o consumo de processamento em computadores. A ideia é especialmente importante para notebooks, tablets e smartphones pois tem como consequência o aumento na autonomia da bateria.

Se você utiliza o navegador Chrome em um notebook, tablet ou mesmo no celular, sabe que ele tende a ser um dos vilões do consumo da bateria. Isso vale tanto para os PCs com Windows, como também para quem escolheu um MacBook, seja qual for o modelo. O browser vem tentando reduzir o impacto deste problema e um teste recente deve melhorar a situação.

O responsável por este trabalho está em uma flag chamada Quick Intensive Timer Throttling. Encontrada nas versões Canary e Dev de testes mais atuais do navegador, ela libera uma função que diminui o uso do processador para abas que não estão abertas no momento e têm o conteúdo visível para o usuário, mas sim em background.

Chrome aprimora ferramenta já existente

De forma resumida, a novidade reduz um tempo de outro recurso semelhante e lançado faz algum tempo. Nele uma aba sem uso não poderia ter o JavaScript sendo ativado mais de uma vez por minuto, depois de estar rodando segundo plano após cinco minutos – quando você está em outra aba, vendo outra coisa.

Esta nova ferramenta encontrada faz com que o tempo de ociosidade de cinco minutos seja reduzido para 10 segundos. Com isso, uma aba é considerada “em segundo plano” em um tempo muito menor, reduzindo ainda mais o consumo de energia do computador. Com isso, aparelhos móveis conseguem economizar ainda mais a capacidade energética da bateria.

Algumas pessoas apontam que a mudança já representa um uso menor de trabalho feito pelo processador. Isso, de forma automática, já garante alguns minutos ou até mais horas para a autonomia do dispositivo – ou ajuda na redução do valor na conta de luz também.

Via: BleepingComputer.