A presidência de Jair Bolsonaro (PSL) é considerada “ótima ou boa” por 34% dos brasileiros. Essa é a pior avaliação para um terceiro mês de um presidente estreante (ou seja, desconsiderando os segundos mandatos) nos últimos 24 anos, mostra pesquisa do Ibope.

Segundo o Ibope, que ouviu 2.002 pessoas entre 16 e 19 de março, Bolsonaro é menos bem avaliado agora do que foi Fernando Henrique Cardoso (PSDB) em 1995, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em 2003 e Dilma Rousseff (PT) em 2011. Levando-se em conta os segundos mandatos, os 34% de avaliação positiva de Bolsonaro o colocam à frente de Fernado Henrique após à reeleição (22% em março de 1999) e do segundo mandato de Dilma (12% em março de 2015), mas atrás de Lula em março de 2007 (49%). Segundo a pesquisa, 34% das pessoas ouvidas acham que o governo Bolsonaro é “regular”, e quase um quarto (24%) avalia a gestão Bolsonaro como “ruim ou péssima”.